sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Amor inocente, amor ardente!

Vive em mim um amor inocente e ao mesmo tempo ardente...
Que nasceu de um olhar e cresceu com um beijo
Amor que acalma a alma , que alivia qualquer dor
Amor que desperta sonhos
Que cavalga em plena madrugada em busca de acalanto.
Tranquilo, cheio de encantos.
Um sentimento abstrato
Desprendido, incondicional.
Eu sem ti seria como uma rosa que aos poucos perde suas pétalas
E não pode curvar-se para apanha-las.
Abençoado seja esse amor que nos une
Mesmo não o tendo comigo totalmente,
Terei sempre o melhor de ti
E vc de mim...
Mesmo com tantos problemas a nossa volta....
com AMOR, só com AMOR, vale a pena viver em qualquer circunstância, em qualquer momento, em qualquer dificuldade.

E é com esse espírito e com esse desejo que amanheço e vivo a grandeza de mais um dia, do nosso momento....
As vezes me comporto como uma criança, mesmo já crescida, cheia de boas e de más experiências, de vivências que me ajudam a prosseguir...
Mas lá no fundo vc sabe que o nosso amor faz bem ao coração e aprimora o sentimento de uma mulher madura...
Porque este sim, fica e perdura para sempre !

3 comentários:

Raphael disse...

O que seria do poeta sem suas poesias
O que seria dos apaixonados sem amor
O que seria do fiel sem a fidelidade
O que seria do futuro sem o presente
O que seria dos oceanos sem suas aguas
O que seria da lua sem o sol
O que seria do amor sem a paixão
O que seria de mim sem você
O quanto eu sofreria se te perder
Jamais me perdoaria por te perder
Não sei sei o que eu faço sem você
Me diga o que eu faço para não te perder
Você precisa saber o quanto eu amo você.

Raphael disse...

Sinto a sua falta...

ANTÓNIO SANTOS (TOMANEL) disse...

A poesia é amor, só assim se entende a poesia.