segunda-feira, 13 de julho de 2009

Meu amado


A ti meu amado,
Desejo o teu toque,
Desejo o teu suave toque,
Sentir tua respiração,
Sentir a sua leve brisa em mim.

A ti meu amado
Desejo dar tudo o que me dás,
Desejo ser tudo o que me és,
Abraçar teu doce abraço,
Abraçar todo o teu amor.

A ti meu amado
Espero esta noite,
Como na noite anterior,
Para de novo nos unirmos
Dois corpos num só.

A ti meu amado,
Dedico este poema,
Por todos os momentos,
Que passamos juntos,
Por todos os momentos
Que iremos juntos passar.

4 comentários:

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Cris!

Linda constatação de um amor declarado em forma de poema!

Parabéns!!

Sonia Regina.

Sonia Schmorantz disse...

Que dedicatória linda! O amor faz destas coisas, é como varinha de condão, embeleza tudo que toca...
beijos

Pelos caminhos da vida. disse...

Tem selinho lá pra vc.

Bom dia.

beijooo.

Simplesmente Amor disse...

Cris...que lindo!
Ternamente belo!
Simplesmente Amor!
Um beijo carinhoso