domingo, 21 de dezembro de 2008

Disfarce


Tento disfarçar a minha dor com uma face,
ninguém enxerga,
só eu vejo o sentimento
que sufoca meu coração,
entristece minha alma
e perturba minha mente.
Por dentro eu grito e choro como
uma criança sendo torturada,
mas por fora sou uma simples pessoa
tentando disfarçar a realidade que vivo,
e disfarço tão bem que poucos percebem.

Ando pelas ruas como se fosse cega,
fugindo da verdade que me persegue,
da tristeza que me consome,
do ar que me polui,
com medo da vida,
tento seguir o caminho das estrelas
para achar alguma razão,
para voltar a viver...

5 comentários:

Ariane disse...

Às vezes somos assim, atrizes tentando esconder as cicatrizes!

Abraço!

Cris Rubi disse...

fiquei muito feliz em receber sua visita, agora pode ter certeza q irei visita-la sempre!
bjinhus carinhosos

Xana disse...

É só uma fase pouco natalicia, vais ver que com o virar do ano tudo se transforma, a vida anda para a frente , não podes perder o comboio!!
Beijinhos de Boas festas

UIFPW08 disse...

Saudações Feliz Natal e um feliz 2009!
que a felicidade esteja com você
Morris

*Bela Poeta disse...

Um dia li uma frase que dizia:" Não importa em quantos pedaços seu coração tenha se partido. O mundo não pára para que você o concerte.", e é a mais pura verdade, pois como seu poema disse, existem horas em que você está só e não há ninguém para te estender a mão, e se há, as vezes preferimos guardar a dor conosco o para que assim a sufoquemos tanto que, quem sabe um dia ela não morre e você volta a viver. Gostei muito de seu "blog diário" e me identifico nestes poemas que vasculham o sofrimento humano diante do Amor. Faço muito isso em meu blog. Desde já deixo meu convite para visitá-lo. De minha parte, estarei aqui sempre. Abraço...*Bela.