quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Porque são tristes as noites de natal

O Natal deveria ser um momento reflexivo de nossa própria mesquinhez.
É a noite da ausência doida de pessoas que já se foram e não fazem mais parte de nossas vidas, ao menos neste plano espiritual.
Também sentimos a falta de pessoas queridas que,
por motivos diversos, não estão conosco.
É óbvio que valorizo e tenho carinho por aqueles que me cercam na noite natalina, mas percebo nas faces, um que de tristeza regada aos excessos que esta pseudo-festa nos traz.

Observo a mesa posta e lembro-me de tantos que não tem o que comer.
E penso nisso verdadeiramente, despojado de qualquer sentimento de dó que isso possa ter.
Para os que vivem na rua, a noite de Natal deve ser ainda mais fria, densa, profunda.
Eles devem se questionar os motivos de uma comemoração tola, que nada resolve.
Como somos pequenos diante do espelho de nossa própria alma.

O nascer de Cristo, que muito já se fala não ter sido em dezembro, fica em segundo plano.
A Missa do Galo transmitida pela televisão é assistida em meio a vozes, muitas vezes já embriagadas, que pouco, quase nada, lembram-se das lições e da missão que Ele veio cumprir.
Será mesmo uma festa?
Que me perdoem aqueles que admiram e comemoram o Natal.
Mas a noite natalina é a mais triste do ano.
Uma mistura de reflexão com álcool e comida farta para a fuga que planejamos de nossa própria vil e insana existência.

3 comentários:

jasoncarreiro disse...

...e, no meio disso tudo, dois blogueiros compartilham suas solidões.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

...não são dois,são três!Acabo de chegar da casa de meu filho onde foi "comemorado" o Natal.Se havia alegria?Sim,dos meus netos ao receberem os presentes de Papai Noel.Afinal a quem pertence a festa?
Hoje,antes de ir para lá postei em meu blog o título "O DONO DA FESTA" que fala sobre o fato de sequer lembrarmos o que estamos festejando...

Durmam com Jesus e lhes desejem Feliz Aniversário,mesmo com a data errada.

Beijos natalinos,Sonia Regina.

Cris Rubi disse...

Acho que não somos três, tem muitos solitarios por ai.
Feliz natal pra vcs amigos